O Brasil muda com o poder das juventudes!

Faça parte da maior mobilização pelos direitos das juventudes.

O que é o

Juventudes do Agora?

O Juventudes do Agora é uma iniciativa de mobilização e organização das juventudes e da sociedade para o fortalecimento de uma agenda comum em favor da consolidação de uma Política de Estado para e com as Juventudes.

Faça parte!

A hora é agora, faça parte! 

360

pessoas já
assinaram!

Amplie a

nossa voz!

Somos a maior geração de jovens da história e demandamos um compromisso do Estado Brasileiro.

Nunca houve tantos jovens, são quase 50 milhões de pessoas com idade entre 15 e 29 anos. Isso representa uma oportunidade extraordinária, mas demanda o compromisso do Estado e da sociedade brasileira com as juventudes do país.

Em 2060, um em cada quatro brasileiros terão 65 anos ou mais. Temos agora uma janela única e urgente de oportunidades de ação com as juventudes brasileiras e, consequentemente, para as gerações futuras.

A maior geração de jovens da história do país representa uma oportunidade extraordinária, mas também demanda o compromisso do Estado Brasileiro em elaborar um plano intersetorial e interfederativo.
VAMOS FAZER DOS PRÓXIMOS 10 ANOS A DÉCADA DAS JUVENTUDES BRASILEIRAS!
Por não ter seus direitos garantidos, milhões de jovens não puderam contar com o Estado brasileiro para oferecer políticas e condições plenas para seu desenvolvimento integral, e viram desigualdades se ampliarem ao longo das últimas décadas. Após a pandemia, as Juventudes foram as mais prejudicadas em todos os âmbitos – educação, saúde, acesso a cultura, território…

Isso tem que mudar, e a hora é AGORA!

O que é uma política de estado?

A Política de Estado é onde estão os princípios fundamentais que guiam as políticas públicas, não devendo ser associada a um governo específico ou uma ideologia determinada, mas sim aos interesses gerais de todos os cidadãos.

Ao não ser interrompida por troca de governo, por exemplo, garantimos a efetivação dos direitos das juventudes em todos os seus aspectos.

7 compromissos prioritários

com as juventudes brasileiras para 2023

1

A construção participativa e aprovação do Plano Nacional de Políticas para e com as Juventudes, com políticas, metas e objetivos para os próximos 10 anos, inaugurando a “Década das Juventudes Brasileiras”;

2

O reposicionamento da Secretaria Nacional da Juventude na Presidência da República, com status de Ministério;

3

A reativação do Comitê Interministerial de Políticas de Juventude – COIJUV como instância de governança intersetorial;

4

A efetivação do Sistema Nacional da Juventude – SINAJUVE como mecanismo para a governança intersetorial e interfederativa;

5

A garantia de financiamento da Política Nacional para e com as Juventudes, com ações programáticas intersetoriais e criação de fundo específico para as políticas de juventude e dotação orçamentária, estabelecendo o Conselho Nacional da Juventude – CONJUVE como instância deliberativa deste fundo;

6

A realização da 4ª Conferência Nacional de Juventude com o papel de Conferência Revisora da proposta do Plano Nacional de políticas para e com Juventudes;

7

Formulação e validação de estratégia participativa para o monitoramento e a avaliação das políticas de juventudes, superando a atual lacuna de dados, por meio de um compromisso de governos, sociedade civil e universidades na criação de um Observatório Nacional das Políticas de Juventudes.

8 passos necessários

para a construção de um plano nacional para e com as juventudes

São necessários 8 passos para a construção de um plano nacional para e com as juventudes.

1

É importante que os governos garantam que as juventudes participem ativamente e se reconheçam no Plano;

2

Os governos precisam retomar as prioridades definidas para o plano a partir do contexto nacional;

3

A construção do plano deve ser informada por evidências;

4

A construção do Plano deve contar com uma governança intersetorial e integrada das ações;

5

O Plano deve prever e especificar fontes orçamentárias para sua implementação;

6

O Plano deve ser validado e disseminado entre atrizes e atores-chave;

7

O Plano deve incluir instrumentos de monitoramento e avaliação;

8

É importante a elaboração de estratégias de engajamento, articulação e parcerias para que o Plano saia do papel.

Os eixos do estatuto da juventude

Além dos 7 compromissos e 8 passos, o Juventudes do Agora apresenta recomendações e prioridades de ações setoriais com base em evidências para cada um dos 11 eixos do Estatuto da Juventude

1. Cidadania/Participação Social e Política e Representação Juvenil
2. Educação
3. Profissionalização/Trabalho e Renda
4. Diversidade e Igualdade
5. Saúde
6. Cultura
7. Comunicação e Liberdade de Expressão
8. Desporto e Lazer
9. Território e Mobilidade
10. Sustentabilidade e Meio Ambiente
11. Segurança Pública e Acesso à Justiça

O processo do documento

Este foi um processo envolvendo diferentes formas de participação de jovens, com um time de especialistas e sustentado por evidências. Veja nosso processo:
Entrevistas com pessoas que participaram dos últimos 20 anos da história das PPJs
Conselho consultivo
Oficinas de aprimoramento
Finalização e diagramação
Campanha de mobilização para participação e voto consciente
Pesquisa em planos de juventude de outros países do mundo e da União Europeia, além de planos estaduais e municipais
Consultores especialistas
Comitê de jovens
Campanha de mobilização para tirada do título de eleitor
Lançamento
17/08/2022
Articulação e incidência

Um caminho consistente e coletivo

Nossa mobilização

Complementarmente à produção e disseminação do Caderno de Diretrizes e Bases, estamos apoiando na mobilização das juventudes brasileiras para conhecerem seus direitos e se mobilizarem por suas causas! Em parceria com o Instituto Kondzilla e com a Kondzilla, produzimos uma série de vídeos para mobilizar os jovens de 16 a 18 anos para tirarem o título de eleitor. Confira nossos vídeos e nosso alcance da primeira parte da nossa campanha:

Agora lançaremos a segunda parte da campanha para mobilizar a maior geração de jovens da história a votar, levando suas vontades e sonhos para as urnas nas eleições 2022. Iniciamos também um comitê responsável por mobilizar assinaturas e uma estratégia de incidência para influenciar candidaturas.

Dados campanha Kondzilla

+3.8MM impressões

+1.5MM

de views

+2.5MM

alcance

+87MIL

engajamento

No Youtube do Instituto Kondzilla foram mais de 308 mil visualizações, mais de 1.3 milhões de impressões, mais de 3.4 milhões de curtidas e 55,7% de taxa de retenção (dados contabilizados através dos vídeos Voto é Atitude + Raxaria + 2 vídeos shorts).

O que só conseguimos fazer juntos!

Aqui você encontra materiais para ampliar essa iniciativa! Escolha o conteúdo, clique na rede que quer compartilhar e convide outras pessoas a fazerem parte da maior mobilização pelos direitos das juventudes!

O Brasil muda com o poder das juventudes!